We kissed, I fell under your spell




É aquela sensação que desenha em mim um sorriso descontrolado no rosto. Que embebeda o meu estômago e que anula qualquer consciente. É o querer desmedido. É o desenho constante da irrealidade. Um desejo irrealizado, uma negação atroz. Um arrepio na espinha, um beijo congelado. Há em nós um olhar tropeço e um amor "desamado".

Assim é a nossa história...escrita por mim! 


Há dias em que saber viver se torna arte!




Hoje sinto-me na pele de um artista. 
Tenho o cérebro em efervescência e o meu sangue deu lugar à cafeína outrora devorada.  
Mas não me sinto um artista qualquer, hoje sou daqueles frios e sombrios, que não se sentem seguros e não sabem o que fazer com isso. 
Daqueles artistas que queriam conseguir controlar os seus demónios ao invés de se deixarem controlar por eles. E hoje estou como eles, sozinha...ou talvez tenha bebido demais.